.2 de novembro de 2016

Fim de relacionamento.

  
   Querendo ou não todo mundo já passou por isso ou vai passar um dia, sou daquelas que acha que se você ainda não passou por isso é porque você nunca viveu a vida da maneira certa, ou então tem muita sorte e de cara conheceu o tal príncipe encantado/perfeito/tudo de bom. (E se conheceu me envia o endereço por e-mail que vou passar por essa rua todo dia, não custa tentar né?)
  Se você leu até aqui aposto que já sabe do que vamos falar hoje, sim sim sim! Fim de relacionamento! Avisei que vocês concordariam comigo que esse é um dos assuntos mais chatos para se tratar, e além de chato é complicado.  Bom esse tema é um pouco complexo para um terceiro falar, afinal além do casal poucas pessoas sabem o que se passa no relacionamento, mas tenho certeza de uma coisa  ao final de qualquer relacionamento ficamos sempre de jeitos parecidos, independente de quem decidiu colocar um ponto final no namoro/noivado/casamento. A tristeza sempre chega de mansinho e em questão de horas vira uma fera devoradora de sonhos, tudo que vivemos parece ter desmoronado e realmente ficamos sem chão e sem teto! 
  Uma coisa que eu aprendi é que o tempo passa e a dor que julgamos ser insuportável e que não passaria se vai e sabemos que a partir desse momento é a hora de seguir em frente, talvez após o rompimento essa seja a fase mais drástica da vida, seguir em frente... Muitas pessoas ficam presas ao passado, e esquecem que a vida se anda para frente, se prendem a recaídas e a lembranças que só levam ainda mais ao sofrimento.
  Inúmeras vezes passei por isso, e me iludi pensando que um dia  tudo iria voltar a ser o que era antes, mas tenho uma péssima noticia para você que está lendo isso e passando por essa situação. NÃO VOLTA! Nada é como antes, um copo quebrado não volta a ser perfeito se colarmos as partes. É a lei da vida, sentar e assistir sua vida passar enquanto você espera por algo que nunca vai acontecer é perca de tempo. Então acorda menina! Tá na hora de seguir.
  Bom, vou deixar quatro dicas para quem está passando por isso, todas elas já foram testadas e aprovadas por mim, acreditem sou um caos quando o quesito é namoro, então tenho experiência de sobra para deixar a vocês.

Dica 1 – Dê tempo ao tempo: Algumas coisas demoram acontecer, feridas demoram a se fechar, mas tudo tem o seu tempo, não adianta querer arrancar os ponteiros do relógio ou querer adianta-lo,  e nem acredite que vai parar de pensar nele na semana posterior, não se engane, não vai!  O tempo costuma resolver tudo, então acredite nele, pode demorar um mês, dois, cinco, um ano. Não interessa, levará o tempo que precisa! 

Dica 2 – Sem indiretas: Frases de Caio F. de Abreu, ou da Lispector, “to solteira e desapegada” É ridículo e imaturo ficar postando indireta no Facebook ou em qualquer outra rede social para ex namorado. As pessoas notam seu comportamento desesperado de mostrar desapego. Sem contar que o ego do ex vai ás alturas quando percebe  que você está postando indiretas relacionadas a ele. E tenho certeza que você não quer isso, certo?

Dica 3 – É proibido ficar com amigo do ex : PARA TUDO é totalmente o cumulo você ficar com o amigo do ex né? Você não vai ficar por cima nessa situação além de imaturidade é feio! Você vai ficar rodada no grupinho deles, você não vai estar atingindo ele, estará atingindo apenas a sua reputação. Pense nisso!

Dica 4 – Viva sua vida: conheça gente nova, vá ao cinema com os amigos. Mude o visual, aprenda a gostar mais de você, divirta-se, e divirta-se muito, é sempre bom para renovar as energias, tenha por perto os amigos, saia para dançar.

  O mais importante é lembrarmos que a vida segue e podemos nos apaixonar novamente, superar fim de relacionamento não é fácil, mas também não é um monstro de sete cabeças, é tudo questão de aceitação e de maturidade. Espero que tenham gostado do meu primeiro texto aqui, e deixem dicas de futuros textos, tentarei escrever sobre todos. Um super beijo!

14 comentários:

  1. Eu só tive dois relacionamentos sérios na minha vida, e o segundo ainda está rolando. Não sou muito de ficar/namorar, já que nem saio direito de casa, então fica um pouco difícil. Quando terminei com meu primeiro namorado, terminei porque eu não sentia mais nada por ele, e sei que o término foi muito difícil pra ele, acho que se ele tivesse seguido as dicas 1 e 4, ele teria superado com mais facilidade.
    Hoje estou muito feliz no meu segundo relacionamento e, apesar de ter gostado das dicas, espero não precisar de nenhuma delas haha <3

    Beijos!
    https://jesuistata.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  2. Achei bem bacana suas dicas!Mas ao contrario de tu,eu acho que o tempo não resolve nada,se tu ama realmente uma pessoa,quem sabe seja eu que vivo presa ao passada,mas eu nunca acreditei no tempo,acredito nas atitudes de mudar os atos do passado,mas seu post realmente é essencial para quem termina um relacionamento.

    ResponderExcluir
  3. Amo textos reflexivos assim, principalmente quando é sobre relacionamentos, uma coisa que eu sou uma completa bagunça. Mas finalmente achei aquela pessoinha especial, sabe? Que aguenta até os seus momentos horrorosos? hahah
    Outra dica ótima pra final de namoro é se dar um tempo, nada de tentar preencher o vazio com outra pessoa, isso não funciona e só vai machucar as duas partes. E nenhuma delas vai ser o ex D:
    Beijão Lydi

    http://querosermiranda.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Adorei suas dicas.Sou nova ainda então nunca tive um relacionamento serio,mais minha amiga terminou ontem e claro irei mostram seu post para ela(ela anda muito triste,e sozinha) Adorei seu texto,e sucesso <3 Beijos

    ResponderExcluir
  5. Já fiquei muito triste com os poucos fins de relacionamento que na verdade foi devido a pessoas que não querem ter alguém para cuidar e ser cuidado até o fim da vida. Eu só queria ficar só, e nada de amiga pra consolar, eu mesma me consolava fazendo o que queria, indo ao shopping, para o cinema e comer no MC Donalds. Eu ADORO dançar e é o que me deixava feliz, claro que tem os momentos tristes, mesmo eu tentando esquecer, pois tem muito disso, a pessoa termina e não te fala uma resposta exata, e ficamos tentando entender, e saber o que fez de errado, Mas não teve erro. Meu namorado é amigo do meu ex, e ele não me deu uma resposta do porque terminou, mas Deus me deu a resposta, era pra eu conhecer ele, e estamos há 1 e 5 meses e sem brigas.

    Beijos,
    http://juliannesoueu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. ótimas dicas! Realmente é muito complicado fim de relacionamento, acredito que se as pessoas seguirem essas dicas vão superar rápido. Beijinhos <3

    ResponderExcluir
  7. A única parte que não concordo é que não pode ficar com o amigo do ex, se a pessoa já tiver superado, pode sim! Nada demais isso.. Eles que vão ser os babacas. Mas sem indireta é fato!!

    Beijos,
    http://pareinaadolescencia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Caracas, li esse post com certa dor no coração. No começo do ano terminei com meu namorado. Na verdade ele terminou, então eu fui pega de surpresa. Eu achei que fosse morrer, sofri demais, confesso! Acho que o término tem a fase de sofrer, a de correr atrás dizendo q da certo, a de se sentir aito suficiente pra superar tudo... e a ultima tem a opção de vc superar ou voltarem. No caso eu superei, estava bem feliz, tirei férias e fui pro RJ SOZINHA!!! Foram os melhores 15 dias da minha vida, e adivinha? Depois voltamos hahah mas acho que o importante de tudo é dar tempo ao tempo. As pessoas normalmente pecam logo de primeira. Se soubermos lidar com isso, o resto vamos tirando de letra. Se permitir sofrer e sentir o termino nos primeiros dias, o resto vem tudo mais fácil. Não desejo essa dor a ninguém :( parabéns pelo post Lydi, com certeza muitas pessoas vão se identificar. Beijos!!!

    www.maleando.com.br

    ResponderExcluir
  9. Verdade Lydi, fim de relacionamento é um tanto chato, mas, precisamos pensar como uma nova oportunidade de recomeçar. E a frase mais certa que existe nessa questão é : antes só do que mal acompanhada. Beijos e muito sucesso!!!

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Confesso que nunca tive um relacionamento ou algo perto disso. Já tive encontros com alguns caras, mas não deram em nada: só em uma Juliana que está aceitando que relacionamento é entre ela e a cama, o resto é treta. Achei suas dicas bem úteis, principalmente a da indireta. Vejo muitas indiretas de gente que "seguiu em frente", mas, na minha opinião, se você tivesse seguido em frente, não estaria postando indiretas.

    ResponderExcluir
  11. Amei o texto.É verdade não podemos apressar o tempo para cicatrização das feridas deixadas pelo ex amor,eu já fiz muito isso e me arrependo tanto.Tudo tem um tempo certo pra acontecer,não tem pra que apressar isso.Outra coisa que a um tempo atrás eu fiz foi escrever sobre a desilusão que eu havia sofrido,não sei onde eu estava com a cabeça quando escrevia essas coisas,hoje eu vejo que me desvalorizei demais fazendo isso.
    Mas uma coisa que eu aprendi é assumir os erros e tentar consertá-los,por isso não me martirizo mais com essa história.Como você disse no texto o tempo resolve tudo.

    http://juniaqueiroz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Ta aí uma coisa que nunca ninguém imagina: fim de relacionamento. É natural acharmos que vai ser pra sempre. Apesar de ser algo doloroso, o rompimento também é natural. Afinal, somos tão diferentes uns dos outros e nem sempre o que parece ser perfeito será e irá durar pra sempre. Eu já passei por isso inúmeras vezes e sei bem como é difícil a transição. A cada decepção fica mais fácil lidar com a dor. O importante é não desistir de encontrar o amor certo.
    Beijo

    ResponderExcluir
  13. Que texto maravilhoso, adorei as dicas! Com certeza dar tempo ao tempo é essencial, porque é uma pressão sem fim e você nem consegue pensar direito com tanta turbulência. Sobre amigo de ex super concordo, é bem chato e você com certeza nao ia querer isso pra você né!

    ResponderExcluir
  14. Um término de relacionamento acaba sempre sendo uma chance extra de nos conhecermos novamente, quem somos nós agora depois dessa experiência? É difícil pra caralho, mas é preciso aprender e com maturidade - como as dicas que você deu. Parabéns Lyd <3

    ResponderExcluir

© Vinte e Uma Primaveras - 2016 | Layout por Design Matarazzo | Todos os direitos reservado.