.24 de novembro de 2016

Depois que você foi embora




Ela está seguindo a vida, com passos lentos, de quem não tem pressa, mas certeza. Depois de tantos tropeços e pedras, é claro que ela deixou de correr esbaforida querendo chegar, sabe-se lá onde. Pra ser sincera, quando ela se apavorava assim, mal sabia o que pretendia. Hoje ela é diferente, quase irreconhecível. Há quem duvide e estranhe, porém, ela está coberta de razão. Sempre teve planos incomuns e por ora simples, era sincera na forma de explicar os pensamentos bagunçados da sua cabeça só pra tentar organizá-los. 

Ela, meu caro, sempre soube o que quis, só não tinha coragem de ser fiel a si e enfrentar tudo isso. Se hoje ela dá as costas para o que dizem, e ainda sim consegue sorrir de forma doce e sutil, é porque ela assumiu a si mesma depois de tantas desilusões.Você sabe o quanto ela sempre foi apaixonada. Pela vida, por histórias de amor. Até então, suas experiências não passavam de contos. Mesmo assim ela se entregou a cada um que viveu, fechou capítulos com lágrimas, arrancou páginas, apagou outras. Se ela pudesse, eu sei que faria de novo, embora tenha sofrido, e muito, ela superou. Todas as dificuldades deixaram marcas, ela insistia em me perguntar quando ia passar, sempre passava.

Depois de você, ela perguntou com muito mais frequência. Como dá pra notar, esse dia chegou, embora eu duvidasse. Se você quer saber, a maior dificuldade dela foi aceitar que vocês tinham objetivos diferentes. Que são pessoas completamente diferentes, disso ela sabia, convivia com isso. Só que de alguma forma, você a fez acreditar que sonhavam os mesmos sonhos. E quando você se foi, dizendo que aquele era seu maior sonho, e que não podia perder a oportunidade, ela não conseguiu aceitar. Achava que você a levaria, que pretendia ficar com ela para sempre, ela achou que fazia parte disso. Não, ela não fazia. Era sempre sobre você e sua carreira, seus planos, seus desejos. 

Ela se adaptou a todas as suas vontades, reorganizou os sonhos dela para ir com você onde você fosse, você não percebeu nada disso, não é mesmo? Ela gostava você, queria estar por perto, cuidar de você, conquistar isso contigo. Mas você nem ligou, assim que tudo deu certo para você, foi um adeus. Como se ela fosse só seu apoio para aquele momento de dificuldade, e depois, agradeceu, pegou suas coisas e foi. Ela quase pediu para ir junto sabia? Quase perguntou, mas e eu? e nós? Só que naquele momento ela teve que decidir se era isso mesmo que ela queria, porque você não ia mudar, seu foco era outro.

Ela queria amor, carinho, queria ser a primeira opção. Ela esperava ser o maior dos seus objetivos, mas percebeu que jamais seria. Então ela te deixou ir, não perguntou nada do que quis, te deu um abraço forte, agradeceu pelos elogios que você fez por tudo que ela foi, e assim, com o coração em pedacinhos, guardou tudo para si. Se você encontrá-la por aí, não fique sem jeito, ela vai sorrir, e vai falar com você. No fim das contas, ela até agradece por tudo o que passou. Foi nessa desilusão que ela chegou a ser quem queria ser.  

Produzido pela Colaboradora Larissa Alderete
Face + Blog +

29 comentários:

  1. Lendo o texto me lembrei pq não me ligo tão facilmente as pessoas, primeiro pq não quero abrir mão das minha coisas por algo totalmente incerto, segundo pq em geral quem dá mais atenção a via profissional sou eu e para finalizar o texto é lindo :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz quando as histórias que eu invento plnos provocam reflexões ❤ obrigada pelo carinho

      Excluir
  2. Incrivelmente lindo, é sincero e se encaixa perfeitamente coma realidade de muitas. As vezes só precisamos mesmo dar uma lidinha em um texto desse para achar o que queremos que alguém nos diga ! Amei !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Naomy! Eu tbm sinto a mesma coisa em relação aos textos que lemos, muitas vezes eles são terapêuticos. Um beijo

      Excluir
  3. Olha! Vou falar viu, este texto me tocou bem profundamente. Sei o quanto é dificil desistir de algo em favor do outro, mudei minha história,tomei caminho diferente,hoje minha vida é outra,talvez eu nem tivesse conseguido fazer o que eu queria,mas desisti,abandonei,pra viver uma outra,hoje ainda vivo nela,mas tem algo dentro de mim querendo sair que esta me sufocando,não tenho mais somente eu e ele,agora é eu ,ele e eles, e por isso me vejo de mãos atadas e acomodada
    Amei o texto,super me identifiquei,parabéns a autora Larissa,sempre escreve muito bem,bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faty, muito obrigada pelo carinho! Não se acomode e seja fiel a si mesma ❤ porém, saiba que ser fiel a família tbm é ser fiel a vc! Te desejo discernimento. Um beijo

      Excluir
  4. Oi, Larissa! Que texto maravilhoso, cheio de sentimento. Eu acho que nada nessa vida é por acaso, no melhor estilo de que se aconteceu, foi porque era preciso e com isso, acabamos passando por diversas situações, entre elas a chegada e partida de algumas pessoas. No início é difícil, mas depois devemos nos concentrar em nós mesmas e tirar como lição. Adorei o texto!
    Beijos
    www.hashtagtecontei.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Daiane! É aquela velha frase clichê, o que não mata fortalece.. estamos sempre aprendendo. Um beijo

      Excluir
  5. Olá! O que dizer desse texto? muito profundo e realista para muiiiitos sentir sentimento em cada palavra. Sabe... as vezes precisamos da um "pause" em nossas vidas e refletir sobre quem damos o valor ou até mesmo se estamos no caminho certo parabéns a autora simplesmente ameiii.
    bjs e sucesso!
    http://www.pandapixels.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dani! Fico feliz quando as histórias que crio carregam um pouco de verdade. Que bom que gostou!

      Excluir
  6. Que texto lindo, Larissa!
    Você tem um jeito encantador com as palavras, sabe expressá-las de maneira simples, mas fortes e objetivas. O seu texto me fez refletir sobre a minha vida, o meu momento atual, sobre olhar além e seguir os objetivos. Acredito que muitas vezes, são textos assim que nos empurram para frente e abrem nossos olhos para a realidade.
    Parabéns!

    http://sonhandoatravesdepalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Thainá! Estou sempre tentando melhorar a escrita, mas fico feliz que meus textos tragam reflexões pessoais.um beijo!

      Excluir
  7. Lindo e profundo. É certo que em algum momento vivemos a vida pelo outro, fazendo de tudo e o impossível por alguém, pois estamos apaixonadas, porém, com o tempo aprendemos muitas vezes de pior forma possível a pensar, agir por nós mesmos em primeiro lugar. Devemos cultivar amor próprio para assim decidir se aquela pessoa realmente vale e pena entrar em nossa vida.
    Parabéns! Abraços

    questoesfemininas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Priscila. Por bem ou por mal estamos sempre aprendendo né. O importante é ser fiel a nós mesmas. Um beijo

      Excluir
  8. Seu texto é muito lindo, profundo e realista, com certeza se encaixa perfeitamente em um momento da vida de algumas pessoas. Porém, temos sempre que perceber que a nossa prioridade, tem que ser nós mesmos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí Thianna. Temos que ser a nossa prioridade, por bem ou por mal acabamos aprendendo isso. Obrigada pelo carinho!

      Excluir
  9. Seu texto é muito lindo, eu já fui muito de abrir mão de muitas coisa pelos outros, hoje em dia não mais. Esse texto mecheu muito comigo, pois me identifiquei muito com ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que hoje vc seja mais vc Ju! Fico feliz quando textos assim nos trazem uma coisa boa. Obrigada!

      Excluir
  10. Belo texto, tras reflexões profundas sobre, será que realmente preciso desse elogio? Será que vale a pena viver com migalhas de um relacionamento? Realmente questionamentos que pessoas que passam por situações assim, muitas vezes não conseguem fazer.
    (๑◕ ₃ ◕๑) Crazy and Kawaii Desu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade né Talyta. Quando é conosco, é muito difícil enxergar a verdade. Mas precisamos ser nossa prioridade. Obrigada pelo carinho!

      Excluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Lindo texto! Nos faz pensar o quão difícil pode ser um recomeço, mas que dar a volta por cima e se refazer, dia após dia, e se tornar cada vez mais uma pessoa melhor, é maravilhoso. Precisamos aprender a nos amar mais, até por que, as deccepções da vida servem para nos engrandecer e nos tornar pessoas melhores <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem isso Thaís! As decepções devem nos levar adiante. Precisamos tirar o melhor de nós! Obrigada pelo carinho!

      Excluir
  13. Estou lendo a minha história nesse post, embora com algumas coisinhas diferentes, na grande maioria, é tudo igual ao que vivi, meu deus! AMEI AMEI AMEIIII!

    Beijos,
    Blog Gaby DahmerFanpageInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Gabi! Fico muito feliz quando as pessoas se identificam! Um beijo

      Excluir
  14. Guria... Que texto foi esse? Estou encantada, parece que contaram uma história de amor minha, do passado. Adorei a parte: "Foi nessa desilusão que ela chegou a ser quem queria ser"
    #Lacrou
    Sucesso gurias, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha obrigada Gláucia! Queria mesmo dar um lacre no final! Um beijo

      Excluir
  15. Me senti nesse texto. Tanto no passado quanto no presente... E nada melhor do que encontrar o amor próprio e crescer com as desilusões, né!?
    Beeijo da Fer!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O amor próprio tem que ser sempre o primeiro amor né ❤ obrigada pelo carinho!

      Excluir

© Vinte e Uma Primaveras - 2016 | Layout por Design Matarazzo | Todos os direitos reservado.