.30 de outubro de 2016

Um texto meu.

  Você sempre me perguntou se algum dos meus textos era pra você, e eu nunca conseguir distinguir se algum realmente era, ou se algum fragmento se encaixava com nossa história, ou apenas com você. Você sempre foi aquela pessoa que por mais que eu detestasse amar tudo em você, eu amava. Mesmo nem de longe demonstrando algo, eu sentia. Mesmo insistindo em dizer que você nunca seria importante, você era. 
  Foi a única pessoa que realmente disse o que eu precisava ouvir diversas vezes e não o que eu queria, mesmo sabendo que aquilo faria com que eu te detestasse um pouco a mais, ainda assim jamais havia escrito sequer uma linha para você.  Acho que você foi a unica pessoa que entendeu essa minha necessidade de não querer parecer fraca para ninguém e de querer sempre estar com o mundo nas mãos.
  Você sempre esteve lá quando eu mais precisava, e sempre me fez sentir tão especial como ninguém fazia, estava lá para me consolar quando o mundo era pesado demais para eu segurar sozinha, estava lá para me amar quando eu mesma não o fazia. E foi ai que eu percebi que era disso que eu precisava, me sentir amada, e você cumpria muito bem esse papel. E mesmo assim não escrevi nada sobre você. 
  Até o dia que eu deixei de ser importante, que as minhas piadas sem graça mas que sempre lhe fazia sorrir deixaram de realizar essa faceta, e foi nesse instante que você deixou todo o mundo cair. E eu me vi ali, sozinha olhando para o vazio que antes era ocupado perfeitamente por você, e apesar disso tudo nunca escrevi sobre você, mas pela primeira vez, hoje,  eu precisava escrever. Escrever sobre o que eu vi em seus olhos noite passada, os mesmos olhos que sempre me olharam com amor, transpareciam o nada dessa vez. 
  Foi a primeira vez que te vi  fechar a porta na intenção de jamais voltar, te vi sair pela porta na certeza que o rapaz que me amava não existia e em seu lugar restou apenas o que existia nos outros. E nesse momento percebi que você merecia um texto meu. 

13 comentários:

  1. Que texto lindo <3
    Parece que nossa tendência é sempre dar valor a algo quando acaba.
    Amei teu texto ;)

    Beijos de luz!
    https://jesuistata.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, fiquei bem pensativa em relação a minha vida e fiquei procurando saber o que eu não do valor e que deveria dar mais atenção. Adorei seu texto, ele realmente me fez parar um pouco e pensar. (Primeira vez que leio uma postagem sua rs)

    Beijos,
    https://juliannesoueu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Aí meu coração Lydi que lindo. Nunca tinha lido um texto seu antes confesso, mas me surpreendeu de verdade, adorei.

    www.mudandoarota.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Lyd
    Primeiro vamos falar do novo visual do blog. Achei muito bonito e delicado, meus parabéns, ficou bem aconchegante.
    Sobre o texto, eu achei ele bem poético, bem escrito e intenso. É uma situação que todo mundo já passou e que algumas pessoas suprimem. Mas você externou isso de uma forma bem bonita. Amei seu texto.
    Beijo
    minhavidaporacaso.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá, Lydi!
    Que texto forte e cheio de sentimentos! Me identifiquei com a história desde as primeiras palavras. Porém, eu era ele. Que foi embora!
    Já te disse que você escreve muito bem? Pois lembre-se sempre disso!
    Beijos,
    Vitória Abdalla
    Escritora por um Acaso

    ResponderExcluir
  6. Que texto lindo! Confesso que fiquei emocionada ao ler e só tenho uma coisa a dizer: Parabéns,seus textos são realmente muito bons você mereçe todo sucesso do mundo! ♡
    Beijos,
    Isabela Cardozo

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?
    Eu achei seu texto muito poético. Na verdade, eu amo textos assim. Eu tenho costume de escrever textos assim, mas nunca posto. Eu achei seu texto lindo, eu li com bastante atenção. Quando eu não conhecia a Deus, eu era exatamente assim como esse texto descreve. A pessoa sempre ia embora.. Hoje, eu tomo mais cuidado com a minha vida sentimental. E graças a Deus está tudo em paz. Esse texto é muito tocante, sabe? E eu pude perceber através desse texto, quantas meninas se sentem como se o "mundo" tivesse desabando, pela pessoa que ela gosta não ter ficado, ter ido embora. Acho que nessa vida temos altos e baixos, e temos que está disposto a superar. Mesmo que seja uma decepção amorosa.

    ResponderExcluir
  8. "Você sempre esteve lá quando eu mais precisava, e sempre me fez sentir tão especial como ninguém fazia, estava lá para me consolar quando o mundo era pesado demais para eu segurar sozinha, estava lá para me amar quando eu mesma não o fazia. E foi ai que eu percebi que era disso que eu precisava, me sentir amada, e você cumpria muito bem esse papel. E mesmo assim não escrevi nada sobre você."
    Acho que de todo o texto, esse trecho foi o que mais mexeu comigo. Porque um dia eu já fui essa pessoa e nada adiantou. Saber que você fazia o tudo de alguém e ele sempre te dava o nada. Acabou e eu me sinto livre. Eu me sinto eu. Obrigada pelo texto, acabei relembrando dele e sorri. Porque por mais que não fosse uma história feliz, faz parte da minha história.

    Beijo, Lorena
    Www.blogdiversamente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Lidy, que inspiração incrível, que texto lindo, os seus textos são tão emocionantes mas esse em especial me tocou, você foi tão profunda e detalhista ao que diz o amor. Parabéns por isso.

    ResponderExcluir
  10. Sempre fui do tipo que dedica atenção quando perde algo. Mas parece que 2016 veio pra me transformar, e hoje tento ao máximo dedicar minha atenção as coisas que possuo, e valorizar a cada segundo o que já conquistei. Passado é passado, e estou em tempos de mudanças.

    Confesso que não tinha lido seus textos ainda, mas estou completamente apaixonada, por identificar nele alguém que eu fui durante 18 anos. Adorei de verdade! 💚

    Beijos,
    www.maleando.com.br

    ResponderExcluir
  11. Que lindo texto,textos assim me lembram muito quando conheci meu marido,ele basicamente tem um tanto haver rsrsr.Foi muito gostoso de ler,é um texto que nos faz ir além,sentimos dentro do s2 mesmo.
    Parabéns,ficou lindo.

    ResponderExcluir
  12. Estou apaixonada por esse texto! tão carregado de emoções e sentimentos... achei lindo, super me identifiquei! parabéns pelo seu trabalho, você leva super jeito mesmo <3

    ResponderExcluir
  13. Que texto lindo... As vezes mergulhamos em um rio achando que é profundo e acabamos batendo a cabeça no fundo. É onde fica o vazio, big beijo http://deniservdede.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

© Vinte e Uma Primaveras - 2016 | Layout por Design Matarazzo | Todos os direitos reservado.